quarta-feira, 14 de maio de 2014

Diário das coisas por acontecer





E as coisas que eu não disse?

E as coisas que eu não escrevi,

e as coisas que eu não quis,

e as coisas que...

Tantas coisas que ficaram por ser,

vou começar a escrever 

o diário das coisas por acontecer.

Um trabalho eterno

das inúmeras possibilidades perdidas

preciso de muito mais que um caderno

e muito mais vidas!

3 comentários:

  1. Muito bonito este teu poema! Tantas coisas ficam por dizer e fazer, essa é que a grande verdade!

    ResponderEliminar
  2. Tantas coisas que não se dizem...
    Tantas coisas que se dizem...
    Escrevê-las?
    Sim.... Talvez... Não....
    A dúvida vive com cada um de nós.
    É sempre melhor falar que escrever
    Se eu fosse caneta recolhia em mim as palavras lindas que escreves num jeito mto especial de viveres.
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Com a qualidade que demonstras ao escrever os teus poemas, mereces ter mais vidas e muitos cadernos para saborearmos as lindas palavras com que nos brindas. Obrigado.

    J.J.

    ResponderEliminar